fbpx

Meu filho é obeso, o que fazer?

A obesidade tem se mostrado um grande problema no país e no mundo. A doença se tornou tão alarmante que foi separada uma data especialmente para pautar o assunto. Em 11 de outubro estão marcados, simultaneamente, o Dia Mundial da Obesidade e o Dia Nacional de Prevenção da Obesidade. Coincidência ou não, a data é apenas um dia anterior ao da celebração em homenagem às crianças, um público que tem sido crescente nos dados referentes à obesidade.

Pesquisadores e especialistas vêm alertado sobre a necessidade de discussões sobre o assunto para a população infantil. De acordo com uma divulgação feita pela Federação Mundial de Obesidade, sem uma mudança de hábitos, em menos de uma década esse problema pode atingir 11,3 milhões de crianças no Brasil.

Ancorado no esporte como formador de vários aspectos para crianças e adolescentes, inclusive a saúde, a Escola Flamengo traz nesse artigo formas de combater e prevenir esse distúrbio alimentar desde a infância. Confira nosso conteúdo!

Entenda a importância de introduzir hábitos saudáveis a partir da infância

Por se tratar de uma doença crônica, a obesidade também pode estar relacionada a fatores genéticos, transformando a perda de peso em um desafio ainda maior.

As fases mais críticas para seu surgimento são entre a infância e a puberdade, em especial no último período. É nele que os números de células de gordura se multiplicam. Se a criança engordar muito, dificilmente deixará de ter um excesso de peso quando se tornar adulta.

A prevenção mais eficaz é a que começa desde a infância. Médicos alertam que a doença pode permanecer por pelo menos mais duas gerações, afetando filhos e netos, além de perdurar por toda a vida daquela pessoa.

Incentive o esporte na vida do seu filho

A dieta é uma grande aliada no combate à obesidade, mas se utilizada sem o auxílio de outros hábitos, pode causar o emagrecimento a partir da perda de massa magra no corpo, o que não é bom para a saúde.

Com o esporte, enquanto a criança emagrece, ela também adquire ótimas condições para fortalecer sua musculatura e se tornar mais saudável a níveis biológicos.

É importante, ainda, conciliar diferentes práticas de atividades físicas. De acordo com um estudo publicado na revista científica “Pediatria”, da Academia Americana de Pediatria, a taxa de sobrepeso dos jovens pode cair mais de 26% caso eles pratiquem dois tipos de exercícios físicos ou mais.

Para chegar ao resultado, os pesquisadores entrevistaram pais e filhos, procurando entender os hábitos alimentares e sociais daqueles jovens. Entre os ativos 17% afirmaram que praticavam apenas uma modalidade esportiva, 19% duas modalidades e 33% três ou mais modalidades.

Cuide da alimentação do seu filho 

Introduza a alimentação saudável desde a infância e evite apresentar industrializados para seu filho precocemente. Uma ótima maneira de fazer com que as crianças entendam a importância de uma dieta adequada é mostrá-las os resultados desse estilo de vida para elas mesmas.

Caso seu filho já goste de alguma atividade esportiva, demonstre como comer bem o ajuda naquilo. Fizemos um artigo sobre os 5 benefícios da dieta saudável para o futebol , no qual elencamos resultados diretos para a performance dos pequenos craques dentro de campo.

Com isso, fugimos de ordens sem explicações convincentes e buscamos explicar as praticas saudáveis como um todo, ligando inclusive à atividade que aquela criança provavelmente mais gosta de fazer.

Preste atenção em como seu filho se comporta

A depressão é uma das causadoras da obesidade, ainda mais pelo fato do distúrbio alimentar se tratar de uma doença crônica, como já visto.

Procure não só um nutricionista para auxiliar no tratamento como também um psicólogo. Fazendo o acompanhamento completo, você terá melhores resultados.

Uma ótima forma de prevenir e combater doenças psicossociais na infância é justamente o contato com outras crianças. No esporte, principalmente os que têm turmas por faixa etária, é possível fazer amizades, trocar experiências, além de aprender a lidar com frustrações e derrotas.

O sedentarismo também tem se mostrado um fator preocupante para o aumento no número de casos de depressão tanto na infância quanto na vida adulta.

Não caia na armadilha da vida digital

É certo que a tecnologia vem nos ajudado em vários aspectos do dia a dia, mas para as crianças é necessário ter um pouco mais de atenção.

Com a correria da rotina, os computadores e celulares acabam se tornando aliados para distrair os filhos enquanto os pais cuidam de seu afazeres. Primeiro só uma vez ou outra e quando você para para perceber as crianças já estão sabendo manusear melhor as mídias digitais do que você mesmo.

Tome cuidado para que os aparelhos não se tornem os principais e mais importantes acompanhantes do seu filho no dia a dia. Ao começar as férias, por exemplo, não deixe que ele fique dentro de casa preso em um computador ou em frente a uma televisão.

Conclusão

A obesidade é um problema que vem atingindo em crescente proporção as crianças, o que é alarmante pois diminui as possibilidades de livramento da doença.

É importante entender tal problema como uma doença crônica para priorizar a introdução de hábitos saudáveis desde a infância, levando também em consideração que pode permanecer geneticamente em gerações futuras.

Para combater e prevenir a obesidade infantil você pode contar com:

  • A prática esportiva, inclusive combinando duas ou mais;
  • O acompanhamento psicológico e a atenção à socialização do seu filho;
  • A priorização das atividades recreativas tradicionais e o distanciamento excessivo dos aparelhos digitais.

Esse foi o artigo da Escola Flamengo para te ajudar a combater a obesidade infantil e tornar seu filho ativo, saudável e, mais que tudo, feliz! Não se esqueça, é claro, que você é o maior exemplo e aproveite as dicas também para rever os seus hábitos.

Quer começar uma vida mais saudável com seu filho a partir de agora? Agende uma aula experimental totalmente gratuita na Escola Flamengo mais perto de você

2019-07-09T17:43:29+00:005 de julho de 2019|Informativo|0 Comentários

Deixe seu comentário